As Invasões Bárbaras

Definição

Jan van der Crabben
por , traduzido por Jonas Tenfen
publicado em 15 Julho 2010
X
translations icon
Disponível em outras línguas: Inglês, Espanhol, Sérvio, árabe
Migration Period in Europe During the 4th & 5th Century (by Simeon Netchev, CC BY-NC-SA)
Invasões Bárbaras na Europa durante os séculos 4° e 5°
Simeon Netchev (CC BY-NC-SA)

As Invasões Bárbaras, também chamadas em inglês de Migration Period (Período das Migrações) e em alemão de Volkerwanderung (Migração dos Povos), foi um período de migração humana na Europa que ocorreu aproximadamente entre os anos 300 a 700, marcando a transição da Antiguidade Tardia para a Alta Idade Média. Estes movimentos foram catalisados por profundas mudanças entre ambos os Impérios Romanos e a então chamada “fronteira bárbara”. Povos bárbaros durante este período incluíam os hunos, godos, vândalos, búlgaros, alanos, suevos, frísios e francos, entre outros povos germânicos e eslavos.

As invasões podem ser divididas em duas fases. Na primeira fase, entre os anos 300 e 500, os povos germânicos passaram a controlar a maior parte das áreas do antigo Império Romano Ocidental. Os primeiros a entrarem formalmente no território romano – como refugiados dos hunos – foram os visigodos, em 360. Tolerados pelos romanos sob a condição de que defendessem a fronteira do Danúbio, eles se rebelaram e acabaram invadindo e saqueando Roma em 410, fixando-se depois na Ibéria e fundando um reino que duraria 300 anos. Depois dos visigodos, os ostrogodos entraram no território romano liderados por Teodorico, o grande, e ficaram na Itália. Na Gália, os francos, uma mistura de tribos germânicas ocidentais cujos líderes eram fortemente alinhados com Roma, adentraram as terras romanas mais gradual e pacificamente durante o século 5°, e, de modo geral, foram aceitos pela população romano-gaulesa como governantes. Rechaçando as investidas dos alamanos, borgonheses e visigodos, o Reino Franco se tornou o núcleo dos futuros estados da França e da Alemanha. Enquanto isso, a Britânia Romana era paulatinamente invadida e ocupada pelos anglos e saxões. Na segunda fase, entre 500 e 700, tribos eslavas ocuparam a Europa Central e Oriental, especialmente na parte oriental da Germânia, e foram conseguindo predominar nesta região. Os búlgaros, um povo não eslavo, possivelmente de origem turca, que esteve presente no Extremo Oriente da Europa desde o século 2° d.C., conquistou do Império Bizantino o território oriental dos Bálcãs no século 7°. Os lombardos, um povo germânico, ocupou, ao norte da Itália, a região hoje conhecida como Lombardia. Invasões de outros povos, apesar de não fazerem parte exatamente da “Época das Invasões”, continuaram para além do ano 1000, marcadas pelas invasões de vikings, húngaros, mouros, turcos e mongóis, as quais também tiveram efeitos significativos, especialmente na Europa Central e Oriental.

Remover publicidades

Advertisement

Remover publicidades

Publicidade

Sobre o tradutor

Jonas Tenfen
Jonas é professor de ensino médio no Brasil. Ele dedica sua vida profissional à gramática e à literatura, e ele também trabalha como tradutor e redator.

Sobre o autor

Jan van der Crabben
Jan é o fundador e CEO da World History Encyclopedia, liderando esta empresa sem fins lucrativos para melhor cumprir a sua missão de envolver pessoas com patrimônio cultural e melhorar a educação histórica em todo mundo. Possui um MA em War Studies pelo King's College.

Citar este trabalho

Estilo APA

Crabben, J. v. d. (2010, Julho 15). As Invasões Bárbaras [Migration Age]. (J. Tenfen, Tradutora). World History Encyclopedia. Recuperado de https://www.worldhistory.org/trans/pt/1-683/as-invasoes-barbaras/

Estilo Chicago

Crabben, Jan van der. "As Invasões Bárbaras." Traduzido por Jonas Tenfen. World History Encyclopedia. Última modificação Julho 15, 2010. https://www.worldhistory.org/trans/pt/1-683/as-invasoes-barbaras/.

Estilo MLA

Crabben, Jan van der. "As Invasões Bárbaras." Traduzido por Jonas Tenfen. World History Encyclopedia. World History Encyclopedia, 15 Jul 2010. Web. 27 Set 2022.