Mictlantecuhtli

Definição

Mark Cartwright
por , traduzido por Ricardo Albuquerque
publicado em 22 Setembro 2013
Disponível noutras línguas: Inglês, francês, espanhol
X
Mictlantecuhtli, God of Death (by Dennis Jarvis, CC BY-SA)
Mictlantecuhtli, Deus da Morte
Dennis Jarvis (CC BY-SA)

Mictlantecuhtli, ou "Senhor da Terra dos Mortos" era o deus asteca da morte. Ele governava o submundo (Mictlán) com sua esposa, Mictecacihuatl. Venerado e temido por toda a Mesoamérica, o deus estava associado estreitamente com as corujas, aranhas e morcegos, além da direção sul.

Mictlantecuhtli governava o 10° dia, Itzcuintli (Cachorro), o 5° Senhor da Noite e o 6° (ou 11°) Senhor do Dia. Era o equivalente ao deus maia Yum Cimil, à divindade zapoteca Kedo e, entre os tarascanos, a Tihuime.

Remover publicidades
Advertisement

O Mito da Criação

No mito asteca da criação, Mictlantecuhtli tentou atrasar o deus Ehecatl-Quetzalcoatl em sua jornada para Mictlán. Quetzalcoatl buscava os ossos das criaturas do mundo anterior do quarto sol, com o objetivo de criar a humanidade. Entre os truques e tarefas difíceis impostos ao deus, Mictlantecuhtli insistiu que o visitante só poderia levar os ossos se percorresse o submundo quatro vezes soprando uma trombeta feita de conchas. Isso não era tão fácil como pareceria à primeira vista, pois o deus do submundo deu a Quetzalcoatl uma concha comum, que não emitia som. A solução encontrada foi fazer com que minhocas abrissem buracos na concha e colocar abelhas dentro dela, de forma que seu zumbido soasse como uma trombeta. Sem ser enganado pelo estratagema, Mictlantecuhtli deixou Quetzalcoatl pensar que tinha levado a melhor e permitiu que pegasse os ossos.

Mictlantecuhtli era um deus bastante importante no panteão asteca porque, como governante de Mictlán, todas as almas se veriam face a face com ele algum dia.

O governante de Mictlán então, longe de desistir, fez com que seus assistentes, os Mictecas, cavassem um poço profundo para aprisionar seu visitante quando tentasse deixar Mictlán. Isso foi exatamente o que aconteceu: ao passar pelo poço e, desafortunadamente assustado por uma codorniz, Quetzalcoatl caiu na armadilha e deixou cair os ossos, que ficaram espalhados por todos os lados. Porém, ele recuperou-se da queda, recolheu todos os ossos e conseguiu escapar do poço, escapando incólume das garras de Mictlantecuhtli. Uma vez entregues à deusa Cihuacoatl, os ossos foram misturados com o sangue de Quetzalcoatl e da mistura surgiram os primeiros homens e mulheres.

Remover publicidades
Advertisement

Mictlán

Mictlantecuhtli era um deus bastante importante no panteão asteca porque, como governante de Mictlán, todas as almas se veriam face a face com ele algum dia. Acreditava-se que somente aqueles que sofressem morte violenta, no parto ou pessoas mortas por tempestades ou enchentes evitariam o submundo na vida após a morte. As crenças astecas não incluíam um paraíso especial, reservado somente para os justos. Ao contrário, todas as pessoas compartilhavam o mesmo destino além-túmulo, independente de sua conduta em vida. As almas desceriam os nove níveis do submundo numa árdua jornada de quatro anos até que eventualmente alcançassem a extinção na parte mais profunda - Mictlán Opochcalocan. Mictlantecuhtli era particularmente venerado no mês asteca de Tititl onde, no templo de Tlalxicco, um personificador do deus era sacrificado e incenso queimado em sua honra.

Mictlantecuhtli Statue
Estátua de Mictlantecuhtli
Jade Koekoe (CC BY-NC-SA)

Como Mictlantecuhtli é representado na Arte?

Mictlantecuhtli é geralmente retratado na arte como um esqueleto ou coberto de ossos com pontos vermelhos simbolizando sangue. Ele também usa uma máscara de crânio, protetores de ouvido de osso, uma vestimenta feita com penas de coruja e um colar de globos oculares. Tem cabelo preto cacheado e olhos poderosos que lhe permitiam penetrar a obscuridade do mundo subterrâneo. De acordo com a ocasião, ele aparece vestindo roupas e um chapéu cônico feito de papel de casca de árvore.

Remover publicidades
Advertisement

Remover publicidades
Publicidade

Perguntas e respostas

O que o deus Mictlantecuhtli representava?

Mictlantecuhtli era o deus asteca da morte e o senhor do Submundo.

Por que Mictlantecuhtli era venerado?

Mictlantecuhtli era venerado porque os astecas acreditavam que quase todo mundo um dia chegaria ao submundo, onde o deus governava. Sacrifícios eram feitos para ele e incenso queimado com o objetivo de obter seus favores.

Sobre o tradutor

Ricardo Albuquerque
Ricardo é um jornalista brasileiro que vive no Rio de Janeiro. Seus principais interesses são a República Romana e os povos da Mesoamérica, entre outros temas.

Sobre o autor

Mark Cartwright
Mark é autor, pesquisador, historiador e editor em tempo integral. Seus principais interesses incluem arte, arquitetura e descobrir as ideias que todas as civilizações compartilham. Ele possui mestrado em Filosofia Política e é diretor editorial da WHE.

Citar este trabalho

Estilo APA

Cartwright, M. (2013, Setembro 22). Mictlantecuhtli [Mictlantecuhtli]. (R. Albuquerque, Tradutor). World History Encyclopedia. Obtido de https://www.worldhistory.org/trans/pt/1-12178/mictlantecuhtli/

Estilo Chicago

Cartwright, Mark. "Mictlantecuhtli." Traduzido por Ricardo Albuquerque. World History Encyclopedia. Última modificação Setembro 22, 2013. https://www.worldhistory.org/trans/pt/1-12178/mictlantecuhtli/.

Estilo MLA

Cartwright, Mark. "Mictlantecuhtli." Traduzido por Ricardo Albuquerque. World History Encyclopedia. World History Encyclopedia, 22 Set 2013. Web. 20 Mai 2024.